RECADO ATERRADOR SOBRE A TUA LIBERDADE

“ ... Digamos que tudo aquilo que sabes não seja apenas errado, mas uma mentira cuidadosamente engendrada. Digamos que tua mente esteja entupida de falsidades: sobre ti mesmo, sobre a história, sobre o mundo a tua volta, plantadas nela por forças poderosas visando a conquistar, pacificamente, tua complacência. A liberdade, nessas circunstâncias, não passa de uma ilusão, pois és, na verdade, apenas um peão num grande enredo e o teu papel o de um crédulo indiferente. Isso, se tiveres sorte. Se, em qualquer tempo, convier aos interesses de terceiros o teu papel vai mudar: tua vida será destruída, serás levado à fome e à miséria. Pode ser, até, que tenhas de morrer. Quanto a isso, nada poderá ser feito. Ah! Se acontecer de conseguires descobrir um fiapo da verdade até poderás tentar alertar as pessoas; demolir, pela exposição, as bases dos que tramam nos bastidores. Mas, mesmo nesse caso, também não terás muito mais a fazer. Eles são poderosos demais, invulneráveis demais, invisíveis demais, espertos demais. Da mesma forma que aconteceu com outros, antes de ti, também vais perder!" Charles P. Freund, Editorialista do “The Washington Post”. T.A.

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

PELÉ, O RECRUTA NASCIMENTO!

Enviada por: Andrade Nery [mailto:andradenery@uol.com.br]
domingo, 24 de outubro de 2010 05:48

Poucos sabem, mas, já campeão mundial, Pelé serviu ao Exército Brasileiro. Consagrado como o Rei do Futebol na Suécia, o astro foi incorporado  em 1959 ao 6º Grupo Motorizado de Artilharia de Costa (6º GMAC), na Fortaleza Itaipu, localizada na Praia Grande, em Santos.
O Soldado Nascimento prestou o serviço militar obrigatório e, claro, jogou pela seleção das Forças Armadas, pela qual marcou quatro gols e conquistou o Campeonato Sul-Americano Militar daquele ano.
 Confira algumas imagens de Pelé no Exército:




2 comentários:

  1. Paulo Cezar de Niterói ( RJ )16 de novembro de 2010 23:39

    Ali na foto da seleção do Exército, parece que tem o Lorico que foi da Portuguesa de SP.

    ResponderExcluir
  2. o número de Pelé no exército era soldado 201 e nome de guerra Edson.

    ResponderExcluir